STF DE NOVO ACHINCALHA O PAÍS - Rafael Brasil

 




O principal problema do país é a insegurança jurídica causada justamente por quem devia guardar a constituição que seria o STF. Porém o STF tornou-se uma entidade parecida com um reles diretório acadêmico onde onze togados, a maioria nunca foram juízes, a legislar a torto e a direito, soltando dezenas de milhares de presos sempre em conluio com a cleptocracia política, usando e abusando da agenda esquerdista, como o aborto, a política de desencarceramento, e aberrações como a ideologia de gênero, que querem obrigar as escolas a utilizarem. Semana que vem, mais precisamente dia 11 vão tratar do assunto, para que todas as escolas do país ensinem que gênero não é uma questão biológica mas cultural. Que homem não é homem nem tampouco mulher é mulher, tudo se resume a uma construção cultural. E ainda vai dar a última palavra sobre a obrigatoriedade da vacina chinesa contra o vírus chinês que nem ainda foi testada, e pasmem: Nem os chineses tomaram.

Aliás o STF é o repositório de partidos da esquerda radical e de todas as tendências que perderam a eleição e querem de todas as maneiras derrubar o presidente democraticamente eleito por mais de 59 milhões de cidadãos. E o pior: Seus membros sempre pegos em casos de corrupção em delações premiadas são inimputáveis, nunca são investigados nem tampouco presos, aliás sempre permanecem incólumes em seus cargos, todos sabem disso, e a corte é a instituição mais odiada do país, não é pra menos, afinal.

Constitucionalmente só o senado tem a prerrogativa de cassar os mandatos desta corja de bandidos, porém os senadores, em sua maioria envolvidos nos mais diversos casos de corrupção nada fazem, afinal estão sob ameaça do próprio tribunal em desengavetar os mais que inúmeros processos eternamente parados na corte. É o conluio de cabras safados, pra dizer o mínimo.

Hoje todos sabemos que o STF é quem de fato governa autocraticamente o país na pior das ditaduras que é do judiciário. Prendem pessoas e fazem processos mais do que ilegais como os das tais das fake news, e querem censurar todos os cidadãos, aliás já estão fazendo com a devida colaboração das plataformas como twytter e faceboock, dentre outras, que tembém estão se tornando em politiburos esquerdistas.

O presidente tenta apaziguar nomeando um membro da cleprocracia política para o tribunal, mas será que vai dar? Creio que foi um tiro no pé, aliás o presidente devia não obedecer atos inconstitucionais da corte, em outras palavras partir para o enfrentamento. Quem aguenta mais esta turba de bandidos? Até quando essa gente mais do que desqualificada moral e eticamente vai dando as cartas no país? Eis a questão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário