Se tem pastor ladrão tem padre também - Rafael Brasil

Padre da TV é suspeito de atuar em desvio de R$ 120 milhões



Todas as instituições tem seus frutos podres, inclusive a Igreja Católica, claro. E não é por ser padre, bispo ou mesmo Papa, que o sujeito estará livre do fogaréu do inferno.
A Igreja Catolica tem dois mil anos. Foi a Igreja em formação a responsável pela construção, formatação da Bíbia, o Novo Testamento, é fato. Assim como a expansão do cristianismo pela Europa e depois para as Américas, tudo isso foi obra da Igreja Católica, que está cheia de Santos e Mártires. Quem primeiro expandiu a educação e a folosofia, preservando inclusive os escritos clássicos e estudando-os foi obra da Igreja Católica. Quem primeiro fez asistência social doi a Igreja Católica, ainda na Idade Média com seus magníficos mosteiros, que depois muitos virariam  grandes cidades. Portanto a Igreja Católica foi fundamental para a construção do que hoje chamamos de mundo ocidentral, ou civilização ocidental, como queiram chamar. Mas se tem santos, e a maioris homens bons, tem larápios também.
Claro, tem Igrejas que já nascem corruptas, são as esencialmente corruptas como coisas como a igreja universal do autoproclamado bispo Edir Macedo, e como ela tem muitas. E mesmo nas igrejas evangélicas mais tradicionais, tem bandido, ora vejam. Quem não sabe disso? Mas um grande roubo na Igreja Católica não deixa de ser notícia, afinal. Enfim foram cerca de 2 bilhões, e dizem ser mais. É muito dinheiro. O ladrão é um tal de padre Robson Oliveira, que não tem nada de cordeirinho.
O dinheiro roubado era para a construção de uma catedral em Trindade, Goiás, que recebe cerca de dois milhões de romeiros por ano, o que não é pouca coisa. Enquanto a catedral não sai do alicerce, o padre enricou. E  comprou mansões, fazendas, carros de luxo, e vai por aí, afinal, além dos enfadonhos padres de passeata, tempos também padres ladrões. Os primeiros, mais numerosos roubam a consciência Católica, misturando-a com o comunismo, os segundos ladrões de galinha, nesse caso, galinhas de ouro.
Vamos acompanhar as investugações, afinal este padreco não deve ter agido sozinho. Será que tem mais gente da Igreja enrolada com o padre? A ver. Se for um padre de passeata, e companheiros de batina, o petismo agora vai fundar o batinão, o mais novo escândalo da praça. Enfim catolicismo e comunismo não se misturam, simplesmente não dá. Afinal, comunismo sempre dá em crime, quem duvida? É coisa do satanás. Mas que os envolvidos queimem nas labaredas mortais do inferno, que está cheinho de pastores e padres bandidos, disso nem o satanás duvida. Vade Retro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário