Colunista da folha e esquerdistas desejam a morte de Bolsonaro - Rafael Brasil


Um debate sobre o artigo de Hélio Schwartsman - DAGOBAH


Hélio Schwartsman colunista da Folha de São Paulo, e ex editor do jornal, escreveu uma coluna dizendo que torce pela morte e Bolsonaro, porque, dentre outras coisas, sua morte traria a possibilidade de fazer o que não fez em vida. 

Aliás a torcida pela morte do presidente vem desde a facada que quase o matou durante a campanha eleitoral, enfim é a turma do "bem" que diz lutar contra o tal do "gabinete do ódio". São os odiadores, digamos do "bem" porque inconformados desde sempre com a aleição do presidente por cerca de 57 milhões de brasileiros. Aliás, são estas pessoas que se consideram intelectuais, e naturalmente desprezam o povo, que no fundo tanto detestam. Aliás este é o comportamento destas elites intelectuais no país, uma vergonha.

Se fosse contra algum ministro do STF? O joirnalista seria preso? Fica a pergunta. Nas redes sociais, sobretudo no twitter sobe a hastag, a favor do vírus contra o presidente, seria o caso de acusar estes internautas do "bem" como uma grande rede de robôs potencialmente ou mesmo criminosos? Eis uma das questões.

Agora mesmo o deputado defensor de coisas como a liberação de bandidos e de todas as drogas, claro do PSOL, Marcelo Freixo, que disse numa reunião da esquerda que seria preciso destruir Bolsonaro, quer processar o presidente por não ter usado máscara em entrevista quando contaminado. 

É essa a tuma do "bem" e do "paz e amor". Até o ex ministro Mandetta, disse querer processar o presidente porque disse usar cloroquina, remédio não recomendado pela desmoralizada OMS, que ele tanto defendia quando ministro. Aliás ele dissse lá atrás que o pico da pandemia seria em setembro, quando todos sabem que foi em maio.

Já o presidente segue tranquilo, e se ele morrer, assume Mourão que não deve aguentar nem um centésimo do que o presidente aguenta, do congresso, do STF e de jornalistas e intelectuais frustrados e revoltados pelo chamado fascismo imaginário. Afinal fascistas são eles. E que o presidente se recupere rápido e use cloroquina, dentre outros remédios. E tranquilo como está, mantendo suas posições corretas sobre o vírus chinês, aconsehando todos a trabalhar em prol do Brasil e da economia. Força presidente, e que seus inimigos que vão catar coquinhos, pra dizer o mínimo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário