Para alegria do povo o PT agoniza - Rafael Brasil

Manifestações contra Bolsonaro ocupam ruas no '7 de setembro'


Domingo teve manifestações da esquerda uma decepção, afinal a esquerda vai ficando nos seus patamares históricos que nunca passaram de 10% da população. Só as chamadas classes pensantes, professores, jornalistas, e tutti quantti ainda professarem o esquerdismo, inclusive os mais torpes,  agora odiada pela nação, também já era tempo. Apesar dessas elites, o povo  assumiu  digamos , seu conservadorismo.
Nas manifestações da esqurda só apareceram uns gatos pingados, aliás foi o que a esquerda sempre representou, não mais do que 10% da população. Claro, seu disciurso murchou, digamos assim, a demagogia esquerdista não cola mais, depois da grande roubalheira pettista e pior: No aviltamento dos valores mais tradicionais do povo, a família, a propriedade privada e a segurança, dentre outros valores.
Claro, Lula não apareceu, ele não tem nada de besta para passar vergonha, hoje é um homem preso, mesmo sem pandemia. Não pode sair às ruas, e só fala, há anos em platéias mais do que amestradas, como teatros e universidades.
A esquerda moderada, tipo PSDB e quejandos, está mais do que desmoralizada, simplesmente não tem quadros, todos metidos na mesmice do discurso globalista, e muitos também metidos em casos escabrosos de corrupção, salvos pela cumplicidade criminosa do STF.
Na manifestação mais do que pífia, dgamos assim, destacaram-se gente como Boulos, expoentes da esquerda mais radical, e uns gatos pingados, que se autodenominam antifas, que não passam de marginais da política, querendo fazer aqui um festival de terrorismo, de quebras quebras, como estão fazendo pelo mundo afora.
Enfim o povo quer ordem e segurança, nas manifestações da direita o que vemos é um povo ordeiro, patriota, e realmente preocupado com a agenda reformista do país. Afinal a Venezuela e Argentina estão aí, para todo mundo ver, e com a internet, não se enrola tão facilmente o povão, que eles chamam de gado. Era assim num passado recente e agora as mudanças vieram para ficar.
Porém a luta é grande e essas gente mais do que asquerosa ainda domina a máquina do estado em todos os níveis. As dificuldades para as mudanças são enormes, e o povo reage com resiliância. Enfim é o povo, o homem comum que está salvando mo país contra estas elites de merda. Bota merda nisso!

Um comentário: