Governadores, STF e congresso são responsáveis pela crise - Rafael Brasil




O presidente foi ao STF, covil de bandidos, juntamente com as lideranças empresariais mais importantes do país, acompanhado do ministro Paulo Guedes, mostrar a crise econômica que o país atravessa, e que pode piorar mais ainda, chegando à estagnação, inflação, em suma numa argentinização da economia. 
Estagnação e inflação tendo como resultado fome desemprego, miséria e a consequente convulsão social, que é o que muitos esperam, governadores irresponsáveis, esquerda e corruptos em geral que sonham em derrubar o presidente, e para isso, pouco estão se lixando para o povo.
Desde o início da pandemia que assolou o mundo, o presidente vem lutando e alertando sobre os perigos da estagnação econômica. E ele está certo, os efeitos colaterais do combate ao coronavírus serão bem piores do que a própria gripe.
Enquanto isso os governadores e muitos prefeitos param tudo e sem necessidade, posto que em milhares de cidades a incidência de mortes pela gripe chinesa é mínima, ou quase nenhuma. 
Semana passada o STF concluiu o óbvio que caberia aos prefeitos e governadores a decisão de abrirem o comércio e a indústria, paulatinamente, claro com os devidos cuidados necessários. Ai vem Edson Fachin, outro ministro petista do STF intervir na possibilidade de abertura do comércio numa cidade do Paraná.
Pequenos comerciantes e informais são perseguidos pela polícia em todo o país por quererem trabalhar. Os trabalhadores e cidadãos são perseguidos e presos, enquanto ois bandidos são soltos.
Em suma essa gente execrável e com muitos poderes ainda pensam em quebrar o país, com fins meramente políticos. E ainda estão metidos em casos escabrosos de corrupção durante a pandemia. Num país sério seriam fuzilados.
Enquanto misso o congresso altera a lei de ajuda a estados e municípios, permitindo que funcionários públicos, sempre privilegiados, recebam aumentos durante o período de recuperação econômica, e nem falaram em cortar altos salários, vantagens e mordomias aos marajás do estado. Tudo para atrapalhar a recuperação do país e o governo. O governo vai vetar, que vete mesmo. O governo enfim tem que se comunicar melhor com a população, senão os sabotadores de sempre agem contra o Brasil. E deles estamos cheios, quem não está?

Nenhum comentário:

Postar um comentário