Governador de Pernambuco pega COVID e esconde tratamento - Rafael Brasil



O governador de Pernambuco, o extremamente corrupto e autoritário Paulo Câmara, pegou coronavírus e esconde seu tratamento da população oprimida por ele e aliados. 
Juntamente com aliados da esquerda , parte do cognresso e STF, é contra a utilização da cloroquina, que apesar de não ter dados científicos de sua eficácia, tem sido utilizada com sucesso em muitos lugares do planeta doente com a pandemia chinesa. Aliás essa gente é aliada do imperialismo chinês, justamente eles que sempre bradaram contra o para eles sempre malvado imperialismo norte americano.
Essa gente que sempre criticou o presidente por não querer revelar o resultado de seus exames, agora esconde o tratamendo, tal qual um famoso médico de São Paulo, aliado do famigerado governador Dória, que escondeu tomar cloroquina, ainda no início da pandemia.
E por falar em cloroqiona, o STF, inúmeros governadores como Witzel e Dória, com admimisntrações desastrosas em seus estados e no combate ao coronavírus, e políticos como José Serra, se unem em nome da "ciência" contra a administração do remédio, barato e com parcos efeitos colaterais, só por ser uma indicação do presidente. Politizam até a doença, além de aproveitá-la para roubar e chantagear o governo federal, que odeiam.
O Stálin de Pernambuco, que está oprimindo em massa à população, prendendo pessoas nas ruas a esmo, e até proibindo pessoas de portarem camisas com as cores da bandeira nacional, age agora como um tiranete de merda que é, escondendo seu tratamendo do povo. Será que está tomando cloroquina? Afinal essa gente para se salvar faz de tudo, e mentir é com eles mesmo.
Mas com cloroquina ou sem, o fato é que estão alegremente aproveitando a pandemia para roubar, e muito. 
O prefeito do Recife seu aliado político gastou no combate ao vírus chinês, três vezes mais do que a cidade de São Paulo.
Em Pernambuco temos uma oligarquia de defuntos comandada pelos descendentes de Arraes e seu neto Eduardo campos, ambos corruptos até a medula. E querem ganhar de novo a eleição para a prefeitura da capital, querendo emplacar o despreparado filho de Eduardo Campos. Dessa vez não vai dar, para o bem da cidade e do estado. Afinal oligarquias nascem e morrem, umas mais longevas outras não. 
E Pernambuco precisa se livrar dessa gente, que quase acaba com o estado.  Enfim o estado é que precisa de uma enorme deose de cloroquina e creolina política para limpar o estado. Quem duvida? Vade retro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário