"MEU MENINO NO SUPREMO" - RAFAEL BRASIL

Resultado de imagem para lula e dias toffoli


Segundo os autores do livro recém lançado Os Onze, dos autores Felipe Recondo e Luiz Weber, o plano de Lula era transformar Dias Toffoli no Gilmar Mendes do PT, informa o saite O Antagonista. Bem até as pedras sabem disso, o STF hoje é o principal entrave à formação de um estado verdadeioramente democrático e republicano. Isto sem falar dos tribunais superiores dos estados, antros de corrupção, nepotismo, e privilégios de verdadeiros marajás. Neste momento histórico, são guardiões do que existe de mais atrasado no país, que é a defesa do status quo de dominação do povo pelo estamento burocrático do estado. E são eles que comandam, junto com um legislativo, fruto de um sistema político anti democrático, dominado por partidos coruptos e atolados em corrupção. O povo não quer mais isso. Quem aguenta? Quem quer ficar calado?
É preciso uma reforma do estado, o que aliás felizmente está acontecendo, e, claro também da justiça e do judiciário. Por que o judiciário tem férias forenses, ora essa, devia funcionar o ano todo, aos domingos e feriados. E acabar com as mordomias, Toffoli, o menino de Lula no supremo, seu Gilmar Mendes de estimação,  fez 72 viagens, em menos de um ano em aviões da FAB. Isso é uma vergonha, um acinte a toda nação. Por que àquele traste viajou tanto, seria bom perguntar.
O menino de Lula no supremo vem seguindo à risca os planos da ORCRIM. E também do estamnento burocrático do estado, que rosna, silenciosa e continuamente. Mas o povo e as redes socias estão mostrando a cara, aliás, desde às eleições. E a luta será grande, afinal, para a mídia, mais valeu os crimes de um militante rackeador, do que as delações de Palocci sobre o rombo de cerca de 500 bilhões do BNDES durante a "gestão" petista. Justamente metade do que o governo pretende economizar com  a reforma da previdência. Enfim o sistema rosna, e conspira, justamente para soltar e livrar os meliantes da cadeia, como ressuscitar o defunto da esquerda petista. Que morreu, mas o difícil vai ser remover o cadáver, dada a uma ocupação de espaços de décadas, bem antes de chegar ao poder. Mas vamos lá! O Brasil precisa ouvir o povo. E o povo está percebendo que liberalismo é bom, na política e na economia. Ademais, o povo sempre esteve à léguas na frente da nossa chamada elite intelectual. Quem duvida?

Nenhum comentário:

Postar um comentário