FASCISTAS DE CÁ, FASCISTAS DA RÚSSIA - RAFAEL BRASIL

Resultado de imagem para putin e chavez

Quase nada ouço, da nossa mídia desmoralizada pela militância esquerdista, sobre a repressão do governo, este sim facista de Putin, na Rússia. De uma truculência sem par, ora vejam, numa manifestação de pouco mais de três mil pessoas, prenderam mil. Dentre eles o corajoso líder da oposição Alexei Navalny, e seus poucos seguidores.
De tradição autoritária, e depois com o comunismo, totalitária, a Rússia com seus intelectuais eslavófilos sempre sonharam com um fetiche chamado grande Rússia, ou seja, sonhos de império. E na verdade ninguém mais do que o georgiano Stálin, conseguiu ir tão longe, claro, com os mais de trinta milhões de mortos pelo comunismo, bem mais do que os vinte e tantos milhões na segunda guerra, que eles chamam de a grande guerra patriótica.
Depois da falência do comunismo, apressada por Gorbachov, a Rússia, depois de algumas, digamos, experiências democráticas sob Bóris Yeltsin, caiu sob o poder do ex agente da KGB, a poderosa e temida polícia secreta do comunismo Wladimir Putin , e continua até hoje mergulhada no autoritarismo, de colorações nitidamente fascistas.
Putin, aos poucos, tal qual Chávez na Venezuela, foi reformando a constituição para se manter no poder, onde se encontra até hoje, um pouco mais de vinte anos depois. Se aliou à máfia de industriais russos que emergiram do comunismo, e se fartou com a venda de petróleo, aliás , com o gasoduto que fornece energia para boa parte da Europa, e exportando produtos bélicos, com a herança soviética de alta tecnologia no setor. Ademais, no fim da União Soviética se gastava mais de 40% do PIB com orçamento militar, coisa que nenhum páís pode aguentar, claro no afã de concorrer com os Estados Unidos, na  corrida armamentista. Putin sonha em manter e expandir este império, atuando com muita força na política internacional sbretudo contra a hegemonia norte-americana. Aqui na América Latina, apóia ditaduras como a de Cuba, a mais longeva e de longa tradição de aliada a ex URSS, da Venezuela, Nicarágua e todos os que representam o anti amerticanismo na região.
Aqui, quem apóia tipos como Putin, é a esquerda, uma vergonha. Aliás uma esquerda fascista, intolerante, essencialmente autoritária e corrupta. E são estes mesmos que se declaram, anti fascistas, alemais mentir é um mantra esquerdista, claro, mentir para o partido e a tal da revolução. Aliás este DNA vem de Lênin,m o inventor do sistema tortalitário, depois copiado por gente como Hitler,  Fidel Castro, Che Guevara, e uma figura como Zé Dirceu hoje, para ficarmos nestes tristes exemplos.
Pra esta gente Bolsonaro é o fascista. E quem é a favor dele também. Aliás que fascismo é esse? Todas ações são para diminuiir o poder do estado, desde a política econômica liberal, até na questão do armamento civil, que a esquerda impôs à nação, que no plebiscito queria justamente o contrário? Quem são os fascistas que aparelharam todo o estado, sobretudo as universidades e a mídia e o escambau?  O brasileiro é pacífico e quer progresso. Em outras palavras, o que nunca de fato tivemos, uma sociedade livre, próspera e democrática. E a sociedade, aos trancos e barrancos vai levando o barco, juntamente com o governo, sem partido, sem mídia e contra todo o estamento burocrático do estado. Afinal, fascista é o cú da mãe, como ironiza o velho e bom Olavo de Carvalho. Olavo tem razão, quen não sabe? KKKK!

Nenhum comentário:

Postar um comentário