NAZISMO , COMUNISMO, E MEU AMIGO ROBERTO ALMEIDA - RAFAEL BRASIL

ERNEST ROHN, LÍDER DAS SA

NAZISMO ,  COMUNISMO, E MEU AMIGO ROBERTO ALMEIDA

Li no blog do meu amigo Roberto Almeida uma imagem lamentável, de um cidadão do Paraná que é nazista. O nazismo foi um regime execrável em todos os sentidos. Pregava a supremacia da raça ariana, ou seja,  do povo alemão. Sem mais palavras, foi um regime genocida em todos os sentidos que se possa imaginar.
Perseguiu não só judeus, mas também todos os povos considerados de “raça inferior”,  ou seja, ciganos, eslavos além de homossexuais embora em suas fileiras como o líder das SA, (tropas de choque nazi, que arregimentavam jovens, os camisas pretas, que iam às ruas massacrar além de judeus, todos os opositores possíveis e imagináveis) fosse um conhecido homossexual. Algo parecido com os black blocks que vemos hoje. É inimaginável as perversidades deste triste regime, e claro, quem o apoia não passa de um louco genocida social. Sem mais palavras e concordo plenamente com a notinha emitida em seu blog.
Porém, onde quero chegar? É que o genocídio nazista foi copiado de Lênin e Stálin na extinta União Soviética. Basta ver o you tube o genocídio de Stálin na Ucrânia no início da década de 30, quando Stálin matou de fome OITO MILHÕES DE ALMAS. Antes, Stálin considerado pelos comunas pátrios como o “guia genial da humanidade”, matou TODOS OS COMUNISTAS QUE INICIARAM COM ELE A CHAMADA REVOLUÇÃO BOLCHEVIQUE, OU SIMPLESMENTE REVOLUÇÃO RUSSA, NOS FAMOSOS MACABROS “processos de Moscou”. Em poucas palavras Hitler imitaria Stálin.
A este respeito, depois da queda do muro de Berlim, foi descoberto mais um grande crime dos nazistas, que foi o fuzilamento em cerca de algumas noites, de mais de dez mil oficiais do exército polonês. O fuzilamento foi assistido , digamos de camarote, pela nata da oficialidade do exército vermelho, dado que vigia naquela época o malfadado pacto Molotov-Ribentroff , ou seja entre Stálin e Hitler. Logo depois, como sabemos, Hitler se virou contra Stálin no decorrer da Segunda Guerra, e Stálin saiu como herói. É só estudar um pouquinho para saber.
Tem mais: Mao Tsé Tung matou, ou de fome ou de simples fuzilamento, ou de tantas macabras outras formas, cerca de SETENTA E CINCO MILHÕES DE PESSOAS. É só estudar um pouquinho, a chamada política do “GRANDE SALTO PARA FRENTE” na segunda metade dos anos cinquenta, tudo documentado. Ou mesmo a chamada “REVOLUÇÃO CULTURAL” NOS ANOS SESSENTA. OS MORTOS DO COMUNISMO CHEGARAM A CEM MILHÕES DE PESSOAS. O DOBRO DOS MORTOS NA SEGUNDA GUERRA. Isto dentro de seus próprios países, é bom salientar.
Isto sem falar em Pol Pot, os perseguidos no Leste Europeu, sob o domínio  soviético, ou mesmo os cerca de VINTE MIL FUZILADOS POR FIDEL CASTRO E COMPANHIA.
Bem amigo, agora vou ao ponto. Simples: Por que por aqui ser comunista ainda é chique? As pessoas ainda posam orgulhosamente com a camisa de Che Guevara, quando o mesmo se gabava de dizer que gostava de matar? Basta ver sua declaração em uma seção da ONU quando o mesmo afirma orgulhosamente que não só fuzilava, mas ainda ia fuzilar ainda mais? Aonde encontrar? No you tube. Quem quiser ver é só acessar. Por que o PC do B ainda ostenta orgulhosamente a foice e o martelo,  e o ministro  governista Aldo Rebelo ostentava  ainda este ano um retrato de Stálin em seu gabinete? E por que Dilma, Lula e companhia sempre andaram de namoros com a ditadura cubana, e tem ainda gente que acha tudo legal?
Sou contra TODAS AS DITADURAS, o que não parece ser o caso dos petistas e de inúmeros esquerdistas pátrios. Você sabia que o parlamento polonês proibiu as pessoas ostentarem qualquer símbolo do comunismo? Basta ver o que o papa João Paulo II sofreu, juntamente com seu povo nas mãos dos comunas. Lá não só é proibido símbolos do nazismo mas também do comunismo.  
Sei que você é um democrata. Sempre o conheci assim. Porém, porque dois pesos e duas medidas? Ademais, observamos em vários livros de história que Fidel foi um “revolucionário” e Pinochet um ditador. Ambos são uns verdadeiros crápulas, mas o segundo pelo menos entregou o poder aos civis. E Fidel Castro? 
 Bem amigo é isso aí. O lulopetismo tem como objetivos o tal de socialismo.  Qual deles? Para estas pessoas, assaltar o estado para o partido não significa roubar, mas ajudar a tal de “revolução”. E vosmecê ainda apóia essa gente. Estarei errado? Hoje tem internet, e vou postar um videozinho mostrando o massacre na Ucrânia. Nem satanás faria igual. Um grande abraço do velho amigo, e não me leve a mal. Porém fatos são fatos. História não é só estudar os fatos do passado, mas SOBRETUDO UMA FORMA DE DIÁLOGO COM O MESMO. Para quê? No mínimo para conhecermos a nós mesmos.  
 VEJAM O VÍDEO DO MASSACRE DOS UCRANIANOS PELOS COMUNISTAS

OBS: Este artigo é endereçado não só ao amigo Roberto Almeida, que Sempre foi um democrata. Mas a TODOS QUE AINDA DEFENDEM O SOCIALISMO E A CHAMADA REVOLUÇÃO CUBANA, QUE, INFELIZMENTE, PELO MENOS NAS UNIVERSIDADES, AINDA DEFENDEM A A PROPAGANDEIAM. UMA LÁSTIMA!

Um comentário:

  1. Como o professor diz que o Roberto Almeida é seu amigo, eu acredito, mas, um democrata, sei não. O Roberto é um lulopetista enrustido, a não ser quando o seu conterrâneo ilustre, o Lula, está por cima, que ele propõe uma estátua dele em pleno centro de nossa cidade. E agora com esta história da Dilma culpar FHC pelos malfeitos da Petrobrás, ele quer associar nazismo com a direita e com o FHC. Quando o que o senhor diz é o correto, o nazismo está muito mais próximo do comunismo, do que da democracia. De qualquer forma, que o seu amigo pense mais um pouco no que escreve antes que a própria Dilma diga que a culpa toda é dele, por ter proposto aquela fatidica estátua.

    ResponderExcluir