O prefeito eleito Armando Duarte ainda encontra-se em Brasília, atrás de resolver as inúmeras pendências do município, sobretudo no que se refere à renegociação da estratosférica dívida da prefeitura com a Previdência social, que chega a vinte milhões. Juntamente com Armando Monteiro, o prefeito eleito também procura investimentos federais na cidade, há tempos sem receber recursos por conta da inadimplência do município.

SEM TRANSIÇÃO

O atual prefeito recusou-se a participar da transição da prefeitura para o novo governante.  Uma pena, mostrando o caráter retrógado deste cidadão que “governou” a cidade nos últimos quatro anos.  Caetés está há tempos sucateada. Porém o povo está feliz, pois espera uma melhoria significativa nos serviços prestados pela prefeitura. Armando está formando numa equipe de primeira, levando em conta não só o apoio político, mas sobretudo na profissionalização dos novos contratados, dando prioridade ao povo da terra. Caetés hoje tem inúmeros jovens devidamente preparados em universidade, que podem se tornar excelentes quadros para a nova administração. Gente que, além de preparada, com amor à terrinha.

SUCATEAMENTO

Dizem que estão sucateando ainda mais a prefeitura de Caetés, danificando, quando não inutilizando de vez muitos materiais, como computadores. Se for verdade, cadeia nos responsáveis. Não é possível tanta hostilidade para com o povo do município. Que já sofreu o diabo com os desmandos  das últimas administrações. Basta de abandono e criminosa irresponsabilidade. Estamos de olho.

ADEUS MANDACARUS

Estão vendendo mandacaru para a alimentação bovina. O caminhão, tipo F 4000 custa setecentos contos de réis. Um,a vergonha o governo não liberar ração para os produtores.. Enquanto isso Dilma cria mais um ministério - ,mo da pequena empresam – para colocar mais alguns dos seus afilhados políticos. Cadê ela que nem vem à região?  

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem