Quem Pagou Pagot?

Frustração! Pagot pipocou.
Nada de denúncias. Nada de ataques. Nada de "homem-bomba". O depoimento de Luiz Antônio Pagot, diretor afastado do DNIT, no Senado, hoje, foi "morno" e óbvio.
Eu aqui, ansioso de que Pagot derrubasse a república entregando toda a máfia no Ministérios dos Transportes e o homem deu pra trás. Pagaram bem ou ameaçaram o Pagot. O homem até elogiou a negligenta presidenta Ducheff. Para quem passou toda a última semana ameaçando jogar no ventilador, até que Pagot foi um bom moço. Livrou a cara e a carteira de muita gente. Foi muito bom em pôr panos quentes numa possível ameaça que pairava sobre ministérios, partidos e até na campanha do PT à presidência. Ah, se Pagot falasse...
A expectativa de que ele atacaria ministros e revelaria fatos que poderiam constranger até mesmo a presidente Ducheff não passou de "balão de ensaio". Na hora do vamo ver, Pagot defendeu sua gestão, o Ministério dos Transportes e o Governo Federal.
Foi bem domado, domesticaram-no direitinho. Ficou sem graça! Esperava mais de Pagot.

Nenhum comentário:

Postar um comentário