FHC na maior cara de pau diz ser contra reeleição - Rafael Brasil

Com apê em Paris, segundo ex-amante, FHC diz que prisão de Lula é justa -  Brasil 247



FHC agora na maior cara de pau diz ser contra e reeleição. Ora, na época em que foi presidente pipocaram denúncias de que ele teria comprado a emenda da reeleição pagando cerca de 200 mil reais por voto, aliás corrigidos, quanto seria hoje? E FHC tem um apartamento em Paris avaliado em 60 milhões, como pode um ex professor universitário e ex parlamentar ter um patrimônio desses? Eis algumas questões que não nos deixa calar, afinal a eleição de Lula foi, digamos facilitada por ele, pois boicotou a campanha de José Serra, o candidato do seu próprio partido abrindo as portas para o PT que depois viria com coisas como o mensalão e petrolão, dentre muitas outras maracutaias.
Aliás FHC ultimamente virou um mero golpista, tendo proeminência da época do auto pedido de demissão do ex ministro Sérgio Moro quando disse que o presidente deveria renunciar para não ser, digamos, posto pra fora. Conspirou enquanto pôde com Rodrigo Maia e outros para derrubar o presidente, que na época pensavam sair muito enfraquecido da crise do coronavírus, agravada pela irresponsabilidade calculada dos governadores também conspiracionistas. Enfim , da crise acharam uma oportunidade para derrubar Bolsonaro, mas como vemos, o tiro saiu pela culatra. Com muita competência o presidente saiu muito mais forte da crise , sobretudo pelo programa capitaneado por Paulo Guedes de ajuda aos necessitados. E a agenda de reformas continua, para desespero dessa gente.
O hilário dessa história é que FHC disse que Bolsonaro era um analfabeto e não entendia nada de economia, o que aliás o presidente humildemente admite. Porém ao fazer o plano real, FHC trambém disse nada saber de economia, porém montou uma ótima equipe e debelou o então pesadelo dos brasileiros na época, a inflação. Já de Lula, um analfabeto e pior: com pretensões intelectuais e bajulado como gênio pela intelectualidade acadêmica nacional e depois Dilma, compelamente incapaz de formular uma reles frase, FHC nada disse, portanto quem cala consente. E nada falou dos corruptos do próprio partido como Aécio Neves, Geraldo Alkmin e Aloysio Nunes Ferreira, só para ficarmos neste três meliantes.
Pra completar, é puro oportunismo, afinal ele sabe que com as reformas e a excelente administração do presidente, Bolsonaro tem todas as chances de se reeleger. Afinal o desespero da esquerda é esse. Com um segundo mandato, e com o avanço da agenda conservadora o Brasil pode ficar livre da esquerda por décadas, em outras palavras essa gente não vai mais chegar ao poder, pelo menos em médio e longo prazos. E apesar do STF, congresso corrupto e de gente como FHC torcendo contra, o Brasil vai dar certo e o poder da direita se consolidará. Que Deus proteja nosso povo deses políticos como FHC, que deveriam estar aposentados e rezando pelos seus unúmeros pecados. Mas como essa gente não acredita em Deus, não tem vergonha mesmo. Enfim, quem já viu comunista ter vergonha? E não é por ser velho que não é safado, afinal canalhice não tem idade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário