Kajuru chama Gilmar Mendes de bandido, alguma novidade? - Rafael Brasil

Doria se reúne com Gilmar Mendes em São Paulo | Metro Jornal



O senador de Goiás o popular Kajuru, acusou Gilmar Mandes de vender sentenças, ou seja, de ladrão. Desta vez no caso do ex secretário do governador João Dória, um tal de Alexandre Baldy, preso por corrupção e lavagem de dinheiro, e amigo do ex governador Alexandre Perillo, também de Goiás, também envolvido em escabrosos casos de corrupção. É uma bandidagem de lascar, bandido soltando bandido, o que mais falta para a desmoralização do STF?
Segundo o senador, a soltura de mais um bandido foi feita a pedidos do próprio João Dória e Marconi Perillo, pelo telefone. Esta mesma corte que prende blogueiros, jornalistas, e até parlamentares, em inquéritos mais do que fajutos, e constrange sempre que pode o presidente da república interferindo diuturnamente em outros poderes. E que alguns dias atrás negou um habeas corpus a um cidadão que roubou dois xampús no valor de dez reais.
Esta semana o mesmo ministro, liberou o ex governador da Paraíba, um corrupto que surrupiou quase 200 milhões da saúde, o tal de Ricardo Coutinho do PSB. Um ladrão sempre apoiado pelo PT e associados, mas como faz parte da cleptocracia, é tratado a pão de ló, como se diz no ditado popular.
Realmente não existem mais palavras para descrever a quantidadee de crimes meis do que hediondos perpetrados pela suprema corte, a pior da nossa história e completamente desmoralizada. Por essas e outras a cleptocracia nacional quer mudar a lei para o presidente não nomear ninguém seria uma nova PEC, já apelidada do fraldão.
Como o juizinho de merda Celso de Mello vai sair em dezembro, querem porque querem manter a mesma turma em proteção à bandidagem, esticando a idade de aposentadoria para 80 anos, hoje é de 75. Enfim nessa corte tem de quase tudo, menos juiz. E é o principal fator de desestabilização democrática na nação, até as pedras sabem afinal. Enfim, todos os dias ações dessa gente contra os interesses da nação.
É a pior ditadura da nossa história, e com a devida cumplicidade da mídia e das nossas chamadas classes pensantes, uma gente sem vergonha na cara, quem duvida?

Nenhum comentário:

Postar um comentário