Só esquerdistas assassinos são contra a cloroquina - Rafael Brasil

Bolsonaro testa positivo para o novo coronavírus e faz propaganda ...


A situação está muito difícil, não só aqui no Brasil mas também lá fora. A esquerda mundial politizou até a gripe chinesa, e todos são contra a cloroquina, que é um remédio muito barato e que quase não tem efeitos colaterais. Falam sempre em nome do tal consenso científico coisa que nunca existui, afinal a ciência é dinâmica, e não existem dogmas.  E em nome desta absurdidade, proibiram o povo de tomar um remédio cuja eficácia agora está sendo comprovada, matando milhões de pessoas sem o tratamendo.
Aqui no Brasil, proibiram até de dizer o nome do remédio nas redes sociais, enquanto muitos governadores e prefeitos gastaram rios de dinheiro federal, além da roubalheira, tirando do povo o direito de usar o remédio que passou a ser obrigado a ter receita médica quando aplicado. Antes se vendia livremente em qualquer famácia de esquina.
O que existe por trás disso tudo, é a guerra de laboratórios que ganham rios de dinheiro em remédios caríssimos e que também não tem sua eficácia comprovada. E também, aqui no nosso caso, muitos políticos ganharam muito dinheiro com o aumento do número de doentes, e quiseram até derrubar o governo  arrasando a economia. Não conseguiram e juntamente com o também golpista STF, e que querem vender a lorota de que o governo foi o culpado pelas mortes. Justamente o STF que tirou os poderes do governo federal de coordenmar as ações duranmte a crise.
Agora querem vender a ideia de que se não fossem eles com o fechamento de tudo, o número de mortes seria bem pior. Mas como sabemos, mentir é um mantra esquerdista, mas o povo nas redes sociais não é bobo. Por essas e outras fazem de tudo para censurar às redes sociais. Alguém duvida?

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Tu deveria colocar a fonte da aprovação da cloroquina no artigo. Ou é somente a sua opinião? Ou melhor, a opinião do Bolso replicada? Se for, lhe informo, o Bolso não é médico e nem cientista.

    ResponderExcluir