Boa notícia: PT declina a cada eleição - Rafael Brasil

 


Eis uma boa notícia: O PT declina eleição após eleição, e depois desta deve virar um partideco nanico, como aliás sempre foi no passado, antes de engabelar uma nação inteira. Afinal, durante o primeiro governo Lula, onde todo o mundo cresceu, o Brasil também por causa de suas comodittes, só era contra Lula pouco mais de 4%, eu aqui no meio do agreste fui talvez um dos únicos contra. O Brasil chegou a crescer a 7% ao ano, mas foi um vôo da galinha, como sabemos. Depois da farra, a conta. Estagnação e desemprego, com perspectivas de falência do país.

Em pouco mais de uma década das alturas, ao abismo da quase falência do país e da corrupção mais que endêmica, mas como um projeto de poder, de hegemonia continental, ou quem sabe lá o quê, uma espécie de liderança terceiro mundista, este sonho maluco até povoou a cabeça de alguns presidentes militares como Geisel, por exemplo. E nosso dinheiro saiu aos borbotões para financiar regimes ditatoriais, como Angola, Nicarágua, Cuba e Venezuela só para ficarmos nestes exemplos. Enfim, o petismo está para se tornar uma seita, ma suas franjas, digamos assim está incrustada em todos os setores do estado, sobretudo a educação.

Como a antiga ARENA, partido que deu sustentação ao regime militar, o PT ía se tornando um partido dos grotões. No Nordeste principalmente, mas tudo está mudando, pois o governo está investindo bem na região e pretende ser um diferencial em relação a governos anteriores, com muitas obras acabadas e em andamento, como a transposição do São Francisco e a conclusão da transnordestina, uma ferrovia que vai ser muito importante para a região, integrando Juazeiro e Petrolina aos portos de Pecém no Ceará e Suape em Pernambuco, só para ficarmos nestes exemplos.

Aliás a receptividade do povo nordestino ao presidente tem sido notável. Afinal numa região mais pobre é que os benefícios sociais falam mais alto. E o auxílio emergencial e a manutenção dos antigos programas sociais, expandiram a populkaridade presidencial, para desespero da esquerda.

Porém, o declínio do PT e do petismo não significa a aniquilação da esquerda, que deve sobreviver com outras roupagens, como sempre. Será interessante o que virá desta nova esquerda, que antes quis ser representada pelos cardeais do PSDB, mas caíram no lamaçal da corrupção, muita coisa deve ser descoberta ainda.

Em 2012 o PT elegeu 630 prefeitos. Caiu para 256 em 2016. E vai cair mais ainda, afinal o PT inexiste nas grandes cidades e declina no Nordeste. Que caia ainda mais, e que num futuro próximo seus antigos seguidores se envergonhem de ter apoiado gente de um partido desses. Apoiar um partido desses e com este histórico é de uma obtusidade moral sem precedentes. E sobretudo ser intelectual, professor, enfim que saiba ler e interpretar um reles bilhete é de uma safadeza sem par. Mas de safados estamos cheios, não?

COVIDÃO: Prefeitura do Recife recebe "visita" da PF - Rafael Brasil


 Hoje pela manhã a prefeitura do Recife recebeu uma "visita" da polícia federal. Foi o COVIDÃO chegando a Pernambuco, afinal o Recife gastou muito mais dinheiro do que capitais como Rio de Janeiro e São Paulo, durante a tal da pandemia.

Recife , assim como o estado de Pernambuco, é governado pela oligarquia dos defuntos, Arraes e Eduardo Campos pela ordem. Tanto o prefeito do Recife, quanto o governador, certamente o pior da nossa história, pertencem ao clã, que é comandado, pasmem, pela viúva de Eduardo Campos, que se vivo fosse estaria mais que enrtolado em escabrosos casos de corrupção.

O valor do roubo da vez foi de cerca de 52 milhões de reais e a prefeitura do Recife é governada por um tal de Geraldo Júlio um dos prepostos da oligarquia. E foi gente como essa que prendeu e reprimiu o povo pobre do estado, proibindo praias e tudo o mais, e até a cloroquina que poderia ter salvado milhares de pessoas da morte, quando estes mesmos ladrões em nome da ciência, aconselharam o povo a procurar os hospitais na fase final da doença, quando as possibilidades de cura são bem menores.

Pernambuco precisa renovar radicalmente a política, varrendo de vez o esquerdismo histórico que há décadas domina o estado e a capital, que antes era chamada moscouzinho. O pior é que a briga pela prefeitura tenha gente na opisição à esquerda da máfia que comanda a prefeitura, ou seja, uma tal de Marília Arraes, neta do oligarca mor falecido. Poré, à direita corre gente como Mendoncinha e a delegada Patrícia Domingos, tendo boas possibiliodades de disputar o pleito mcom a esquerda.

Vamos esperar os acontecimentos, mas o COVIDÃO deve chegar ao governo do estado, esperemos. Nunca na história do estado tivemos uma tão baixa representação política, justamente em Pernambuco um estado que sempre forneceu grandes quadros para a política nacional. A conferir e torcer.

STF afirma que voto impresso é inconstitucional, mentira! Rafael Brasil

 

Adicionar legenda

Era só o que faltava, o STF decidiu que o voto impresso é inconstitucional, pode? Pode, afinal não temos mais constituição, e quando esta foi feita já existia voto eletrônico? Ora essa! É muita enrolação, afinal o voto impresso dificulta fraudes, e o sistema eletrônico é inauditável, e como todos sujeito a fraudes. Afinal, muitos como eu desconfiam que Bolsonaro venceu m,esmo no primeiro turno. E que Dilma perdeu para Aécio, outro ladrão, mas fraudado na eleição. 

O interessante é que nas democracias mais avançadas, nada de voto eletrônico, como os Estados Unidos  o Japão e Alemanha só para ficarmos nestes exemplos. E pior; A empresa responsável era venezuelana, agora chinesa, duas desgraçadas ditaduras comunistas. Uma em derrocada pela miséria e desesperança, a outra em processo de expansão com o chamado capitalismo de estado, ou mesmo uma economia fascista, com abertura econômica e liberalismo sob o controle do partido, que é quem manda no estado.

Realmente o STF age como um partido político de oposição como bem diz o analista político J. R. Guzzo. Nunca na história deste país, afinal sem votos estes sacanas continuam celeremente a atrapahar o país, constranger o governo, mas até agora não conseguiram seu intento maior que seria derrubar o presidente. 

Enquanto arrotam póderes nada republicanos, os maganos do STF se indisponibilizam mais com o povo. É gente que não pode mais frequentar lugares públicos. Tem  salas especiais e passagems exclusivas nos aeroportos para não se exporem à fúria popular.  E são realmente figuras execráveis, pela incompetência jurídica e baixo nível cultural de seus membros.

Porém essa gente tem suas platéias, os arautos do fascismo imaginário, e elas estão nas chamadas classes falantes, da mídia militante, do show buiseness e da chamada classe acadêmica, uma vergonha, é sempre bomn lembrar. E pior: Ainda se autodenominam progressistas. É pra rir?

Bolsonaro veta perdão de dívidas das igrejas, boa presidente! Rafael Brasil

Bolsonaro rindo

Bolsonaro veta o artigo que bneneficiava dívidas de igrejas.  O artigo vetado por Bolsonaro tratava do perdão de dívidas e multas cobradas pelo não pagamento da Contribuição Social sobre Lucro Líquido (CSLL). Apesar de as igrejas terem imunidade tributária sobre impostos, essa isenção não alcança as contribuições, incluindo a previdenciária.

Para quem esperava pelo perdão, quebrou a cara e mais uma das narrativas fajutas da esquerda de que Bolsonaro fevoreceria muitos setores evangélicos cortejando-os. Claro tem muitas igrajas sérias, mas de pastores como um Edir Macedo, Valdemiro Santiago, dentre outros, simplesmente não dá, mas o pior é que tem muita gente que acredita e participa, enfim se não existisse o otário o que seria dos malandros? Porém tem muito pastor e padre que não vale um deréis de mel coado, e que tem muitos deles no inferno das cuias, alguem duvida?

E as igrejas faturam muito dinheiro, enfim disputam ferozmente o que seria o mercado da fé. E como em qualquer competição capitalista, vale tudo, ou quase tudo. Recentemente vimos aflorar a corrupção de um padre católico, envolvendo centenas de milhões que seria para a construção de uma catedral que ainda não saiu dos alicerces.

Portanto uma boa medida que não será mostrada pela mídia tradicional  esquerdista, cuja credibilidade não vale uma pipoca. Afinal todos torciam para que o presidente não vetasse, quebraram a cara, bem feito. E quem quiser ter suas igrejas que tenham suas responsabilidades com o estado, que enfim também não é lá essas coisas, afinal quem gosta de estado é comunista preguiçoso, aliás é o que não falta no mercado.


Um cabo e um soldado - Rafael Brasil

TLGP 245 - Chamem um Cabo e um Soldado - YouTube



 Se fosse Bolsonaro, diante da provocação de Celso de Mello o já famoso juizinho de merda, para ele depor na Polícia Federal presencialmente, mandaria um bilhete através de um cabo e um soldado devidamente fardados contendo um foda-se! Ou um vai te lascar! O bilhete seria mostrado a toda imprensa interessada, e pronto. Que sigam os preceitos legais e repoublicanos, ou seja depoimento só por escrito como Temer. 

Estes maganos do STF devem ser colocados em seus devidos lugares, ou seja a irrelevância total e irrestrita. Celso de Mello quer aparecer aos grupinhos de sempre, a esquerda semi letrada, membros do falido show buiseness e claro intelectuais acadêmicos que não escrevem e só pensam errado se é que pensam, ademais são agentes político ideológicos, digamos assim do status quo ante.

O pior é são provocações contumazes, afinal este mesmo juizinho chamou o presidente de nazista, e outros como Barroso e Fachin disseram que, em poucas palavras, com a eleição do presidente, o país teria entrado numa escalada autoritária. Aonde, cobra? Quais os fatos que corroboram estes pensamentos, hein caras pálidas? Aliás quem justamente está botando o país numa escalada autoritária é o próprio STF, quem não sabe disso? É o STF que investiga, julga, prende, e ainda é vítima, pode isso? E tem feito uma perseguição sem par nas mídias sociais de direita. Afinal eles querem simplesmente proibir a direita no país, que vão se lascar.